Caneta azul ou preta e documento na mão: veja como se preparar o dia do vestibular da UFT

0
18

Provas serão neste domingo (19), em sete cidades do Tocantins. Ingresso é para o segundo semestre de 2024. Vista do campus de Palmas da UFT
Divulgação/UFT
Neste domingo (19) serão aplicadas as provas do vestibular da Universidade Federal do Tocantins (UFT) para o segundo semestre de 2024. A seleção será em sete cidades do estado e os candidatos precisam estar atentos às regras para não correr o risco de desclassificação.
São ofertadas 748 vagas para cursos de graduação. O vestibular vai selecionar os estudantes para 27 cursos da UFT e 12 cursos da UFNT.
A primeira orientação para o dia da prova é ter atenção aos horários. Pela manhã, os portões fecham pontualmente às 8h. Na parte da tarde, será às 14h30. Por isso, a organização alerta que os candidatos cheguem com antecedência de pelo menos uma hora.
Durante a manhã, os inscritos vão responder 32 questões das áreas de “Linguagens, Códigos e suas Tecnologias” e à tarde, serão 44 sobre as áreas de “Ciêncas Humanas e suas Tecnologias” e “Ciências da Natureza e suas Tecnologias”.
LEIA TAMBÉM:
UFT e UFNT abrem vestibular com mais de 700 vagas para cursos de graduação do segundo semestre
Candidatos inscritos no vestibular 2024/2 da UFT podem consultar locais de prova e endereços
O que pode ou não pode levar
De acordo com o edital, na hora da prova, o candidato precisa estar com caneta esferográfica de tinta azul ou preta e que seja fabricada em material transparente.
Para responder as questões, não será permitido o uso de lápis, lapiseira, grafite, marca-texto ou borracha.
Também vai precisar do documento de identificação original com foto. Valem os emitidos pelos Comandos Militares, pelas Secretarias de Segurança Pública, pelos Institutos de Identificação e pelos Corpos de Bombeiros Militares, entre outros. Veja no edital a lista completa.
Não serão aceitos como documentos certidões de nascimento, CPF, títulos eleitorais, carteiras de motorista (modelo sem foto), carteiras de estudante, carteiras funcionais sem valor de identidade, nem documentos ilegíveis, não identificáveis e/ou danificados.
Documentos digitais também estão vedados, já que o uso de qualquer tipo de equipamento eletrônico ou smartphone é proibido durante as provas.
Se o candidato quiser, pode levar lanches e água. Entretanto, devem estar armazenados em embalagem transparente. Rótulos devem ser retirados com antecedência.
Veja o edital com as regras aqui.
Locais
Os candidatos podem consultar os locais de prova, que foi divulgado nesta quinta-feira (16). A lista com os nomes dos inscritos e onde as provas serão aplicadas está disponível do no site da Comissão Permanente de Seleção da Universidade Federal do Tocantins (Copese).
Para acessar, clique aqui.
Concorrência
Na lista dos cursos, medicina registrou mais candidatos para ampla concorrência. Para Palmas, são 2.148 pessoas disputando cinco vagas, que dá uma concorrência de 429.6 por vaga. Em Araguaína só tem uma vaga, disputada por 722 candidatos.
Veja a concorrência aqui.
As provas vão ser em Araguaína, Arraias, Gurupi, Miracema, Palmas, Porto Nacional e Tocantinópolis. Com exceção dos candidatos para o curso de medicina, onde as provas serão aplicadas apenas em Palmas e Araguaína.
As provas e gabaritos preliminares devem ser divulgados no dia seguinte. A previsão é que o resultado final seja publicado no dia 8 de julho. O segundo semestre deve começar no dia 5 de agosto.
Veja mais notícias da região no g1 Tocantins.

Fonte: G1 Tocantins